IMG-LOGO
Home > Nordeste > QUEM SABE FAZ A HORA: PSL se antecipa e tem pré-candidato à Prefeitura de Maceió

Nordeste

IMAGEM: Flávio obteve 141 mil votos em Alagoas, número expressivo que o credencia a concorrer ao cargo de Prefeito de Maceió.

QUEM SABE FAZ A HORA: PSL se antecipa e tem pré-candidato à Prefeitura de Maceió

Crescente nas pesquisas, o policial federal Flávio Moreno vem sendo prestigiado em suas idas à Brasília e onde tem recebido apoio do Governo Federal. Moreno foi um dos maiores responsáveis pela expressiva vitória de Bolsonaro em Maceió nos dois turnos nas últimas eleições.
Por Marcelo Jorge - 08 De Junho De 2019, 09:41 AM


Segundo o periódico alagoano “Tribuna Hoje”, Flávio declarou que a legenda deve apresentar em torno de 50 nomes para concorrerem ao cargo de prefeito e vereador em metade dos 102 municípios do estado. Em ano pré eleitoral o PSL alagoano vem ouvindo a população e detectando demandas que possam transformar-se em pauta e compor uma futura agenda de compromissos da sigla.

Antecipando-se aos demais pré candidatos que “desconversam” sobre o tema, Flávio Moreno já se apresenta como nome para disputa do cargo de prefeito da capital Maceió. Presidente do partido em Alagoas, o agente federal conta com o amplo apoio dos filiados do Partido Social Liberal.
Como candidato a uma vaga ao senado, Flávio obteve mais de142 mil votos, número expressivo que o credencia a concorrer ao cargo majoritário, mas apesar de ter a maior parte desta votação (80 mil) somente na capital, acha no mínimo estranho não figurar nas pesquisas publicadas até agora e apresentadas à população maceioense. Segundo afirmou “está em um trabalho de construção. Nas pesquisas que jogam por aí parece que eles continuam com medo de colocar meu nome. Mas saibam que estou na disputa”.
O PSL em Alagoas presidido por Flávio Moreno, foi o partido que obteve a terceira maior votação no Estado, superando partidos tradicionais. O PSL foi ultrapassado só pelo partido do Governador e Prefeito da Capital.

Disputando uma campanha atípica, na qual a legenda que preside recebeu apenas 60 mil reais para partilhar com os demais candidatos, Moreno disse que o PSL ainda conseguiu a proeza de ajudar a eleger alguns candidatos, mesmo sem acesso à televisão, rádio e com material de campanha insuficiente, e emendou “Imagine com estrutura. Nós temos condições de fazer um belo programa de governo e para Maceió”, finalizou.

Moreno desfruta de amizade pessoal e admiração do presidente Bolsonaro. (foto: Instagram)


Compartilhar: